Sorteio do Minha Casa Minha Vida

O sorteio do Minha Casa, Minha Vida pode ser um divisor de águas no sonho da casa própria.

Este é um sonho faz parte da lista de conquistas de 9 em cada 10 pessoas, porém as dificuldades financeiras vividas por muitos brasileiros atualmente, têm tornado a sua realização cada vez mais difícil.

Com o programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal, essa realidade pode mudar para muitas pessoas com a chance de finalmente conquistar a casa própria e sem um custo “alto”.

homem negro entregando chaves de uma casa. sorteio do minha casa, minha vida
O sorteio do Minha Casa Minha Vida dá chance à milhares de pessoas a participarem do programa

Lançado em 2009, o programa traz uma série de exigências e pré-requisitos que devem ser atendidos para que a pessoa participe do primeiro passo, que é ser selecionada para os sorteios, responsáveis por ofertar cartas-convites.

A partir daí então, os participantes podem entender outros detalhes do programa.

Entender como funciona o sorteio do Minha Casa, Minha Vida

Muitas pessoas podem estranhar o fato de acontecer um “sorteio” quando procuram informações sobre o Minha Casa, Minha Vida.

Mas, essa fase é muito importante e precisa ser compreendida por todos aqueles que têm interesse de se beneficiar do programa.

O sorteio é uma das etapas do programa que garantem a casa própria e, tecnicamente, ocorre logo após os processos de seleção – depois da verificação de todos os requisitos exigidos.

O sorteio não é apenas um capricho do programa. Pelo contrário, é uma maneira de ser justo com todos os inscritos que atendem os requisitos presentes na lei para não favorecer uma ou outra pessoa.

Existem algumas exceções onde pessoas, por lei, passam a ter uma grande prioridade a partir desses sorteios por conta de suas condições.

Entre as pessoas com prioridade estão famílias com crianças diagnosticadas com microcefalia, pessoas com deficiência, mulheres chefes de família, e vítimas de desabamentos ou moradores de áreas de risco.

A ideia de Sorteio do Minha Casa, Minha Vida

O interessante da ideia de sortear as pessoas que serão contempladas com a carta-convite é que o modelo é semelhante à um consórcio comum.

No entanto, as semelhanças são mínimas. Para entender melhor o processo, o consórcio permite “desenhar” com mais precisão a forma de seleção do programa.

Mas não confunda as coisas, a semelhança é apenas neste tópico, pois o programa não fará você pagar mensalidades antes de ser contemplado.

Pelo contrário, após ser sorteado a pessoa recebe a carta-convite com informações de datas e horários de reuniões sobre valores, prazos de entrega de documentos solicitados, assinatura do contrato e outros.

A carta-convite é crucial. É com ela que você pode começar a colocar um dos pés na sua casa própria.

Sem a carta você não saberá informações desta reunião, e portanto, você pode não comparecer ao compromisso e perder sua vaga.

Por isso, é de extrema importância se manter atento a todos os processos, inclusive, o sorteio.

Consulte unidades especializadas no programa e entenda mais sobre o processo.

Compartilhar é se importar!

1.554 Comentários